Neste sábado (20), todos os parques municipais da cidade de Salvador serão fechados pelo período de oito dias. Além disso, a partir da próxima terça-feira (23), a prefeitura vai suspender os atendimentos nas repartições públicas até o dia 9 de março. As medidas foram informadas pelo prefeito Bruno Reis (DEM) durante coletiva na manhã desta sexta (19).

A preocupação da gestão municipal é com a alta no número de novos infectados e com a demanda por leitos de tratamento contra a Covid-19. Segundo o prefeito, a cidade vem apresentando números similares à primeira onda da doença.

"Na prática, temos que ter mais cuidados do que tivemos na primeira onda, se os números se repetirem é capaz de vermos cenas iguais às de Manaus", alertou.

A medida de suspensão das atividades das pastas não vale para aquelas consideradas essenciais durante a crise sanitária, como a Segov; SMS; Sempre; Seinfra; Seman; Codesal; Semop; Semob; Sedur; GCM; Limpurb; Transalvador; Sucop; Desal; e Conselhos Tutelares. "Por outro lado, vamos intensificar [as atividades] nos órgãos considerados enssenciais", completou Reis.

Você pode gostar de

RECEBA Nossa NEWSLETTER

Anúncio